Dias 34-35 – 20180123-20180124: Boardman & “Curitiba”

Já escrevo no dia 25/1/2018, de madrugada – dia do aniversário de São Paulo. Vou relatar em um só artigo o que fizemos nos dias 23 e 24, porque não foi muito.

No dia 23, terça-feira, fomos, saindo na hora do almoço, a Boardman, uma cidadezinha ao Sul daqui em que há um shopping grande e, perto dele, lojas isoladas da Best Buy (Eletrônicos), do Toys ‘R Us (Brinquedos), da Barnes & Noble (Livros), etc. Levou cerca de 45 minutos para ir e outro tanto para voltar.

Antes de sair, porém, enchemos o tanque do carro por 25 dólares. Foram 10,423 galões a 2,399 dólares por galão. Um galão equivale a 3,78541 litros. Colocamos quase 40 litros (tanque pequeno o da Titanium) e pagamos 82,50 reais, por aí, considerando o dólar a 3,30 reais. (Ontem caiu, com a condenação do Lula). O preço da gasolina por litro e em reais ficou um pouquinho mais de dois reais por litro.

Em Boardman, no shopping, chamado Southern Park Mall, do qual eu tinha boas lembranças (era sempre cheio, movimentado, bem administrado, com lojas bonitas, etc.), ficamos desapontados: havia pouca gente, várias lojas fechadas, os corredores estavam mal cuidados, a área de alimentação tinha pouquíssimas opções, etc. Só dentro das quatro grandes lojas âncora (J C Penney, Dillard’s, Macy’s, Sears, por sinal as mesmas do Eastwood Mall, aqui perto), as coisas pareciam o que eram antes.

Mas a ida lá valeu por três coisas: (a) a Paloma encontrou uma bota de inverno em oferta mais ou menos do jeito que ela procurava, o que estava meio difícil de achar; (b) a Paloma arrematou mais um monte de coisas na H&M, que é a loja favorita dela para liquidações, tanto na Europa como aqui; e (c) eu, que não estava procurando nada, acabei comprando duas calças e um boné numa loja que estava em seu último dia de funcionamento, a Sun Pac, de Los Angeles. O preço original das calças era 56,90 dólares, mas havia um desconto de 90% e, nos 10% que sobravam, mais um desconto de 20%. Imaginando que a calça fosse 100, isso daria 10, e, depois, 8. Cada calça saiu por cerca de 4,55 dólares. E não será preciso nem fazer barra. O boné saiu por cerca de 1 dólar. E não foi preciso nem ajustar a faixa que define o encaixe na cabeça… 🙂

Depois das compras, tomamos um lanche na triste área de alimentação e, depois, fora do mall, fomos até à Toys ‘R Us, para achar umas lembrancinhas (nada mais do que isso) para crianças. A essas alturas já estava escuro e nós voltamos para casa, debaixo de um chuvisco.

Ontem, 24/1, quarta-feira, saí com a Andrea de manhã, para ir até um advogado, fazer uma procuração, e, depois, para passar no banco. Voltamos logo para casa – mas como saímos meio tarde, quando chegamos em casa já passava do meio dia, e a Paloma estava grudada na televisão vendo o julgamento do energumenus hirsutus (vulgo apedeuta). Assim, acabamos ficando em casa a tarde inteira, vendo o julgamento. Depois fizemos uma pequena celebração por ter o resultado sido o desejado, por unanimidade.

Assim se passaram dois dias, sem maiores acontecimentos, em nossa vidinha aqui.

Em Cortland, 25 de Janeiro de 2018 (1 hora da manhã – Parabéns, São Paulo: que o SPFC seja campeão da Copinha, derrotando o Flamengo, para se livrar da urucubaca.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s